chegando lá

Durante toda a minha vida sempre disse a todos que não chegaria aos meus 25 anos de idade! Estou chegando lá! Se nada acontecer até o próximo dia 10/06 vou ter que lidar com 1/4 de século de idade!

É confuso. Quando era adolescente cheio de sonhos e planos eu acreditava que estaria formado, trabalhando com publicidade, sendo alguém. Nunca pensei em estar com alguém ou coisa assim. Ouso dizer que tive uma adolescência bem diferente das normais. Sem paquerinhas, beijinhos ou bilhetinhos de romances infantis. Eu estudava e só. Meu 1° beijo foi aos meus 19/20 anos e foi meio que um “presente de aniversário”. Presente porque quem me concedeu deixou bem claro que aquilo era o máximo que eu poderia ter.

Com 1/4 de século não sou nem 1/10 do que gostaria de ser. De quem gostaria de ser. Mas a vida é assim, né? Minha vida profissional é o que me resta e tenho muito medo de estrgá-la também. Não sou dos melhores e só há lugar para os melhores. Ninguém é promovido por pena. Ninguém é contratado por caridade e ninguém chega a algum lugar se não for alguém. Não posso ser um lixo nisso também.

Minha irmã está praticamente noiva. Logo vou perder minha parceira. Minha mãe não vai durar para sempre e logo estarei só. Acredito que serei aquele tipo de pessoa do episódio “A Mulher Invisível” da 2ª temporada de “Six Feet Under”. Depois de 7 dias vão sentir o fedor do meu corpo em decomposição e chamar alguém para recolher.

Happy birthday, Alex! Celebrate!

Anúncios

Deixe um comentário

Nenhum comentário ainda.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s